sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Porto Seguro


Por tantos mares naveguei
tantas tempestades enfrentei
a tormentas, furacões, sobrevivi,
na busca de um mar sereno
para meu coração inquieto
navegar,por paixões
muitas delas ilusões
quantas vezes me enganei
me confundi...
também creio..iludi
Fui seduzido, seduzi
me deixei conduzir. também conduzi
fui enganado, também enganei
e poucas vezes me encontrei...
E a navegar continuei...
nos mares dos sentimentos
também nos do prazer
e na maioria mais vazio, fiquei
Até que um dia sinais de terra firme , vi
carinhos, ternuras...afetos , senti
a praia das paixões
a brisa marinha do desejo
o barulhar do prazer...
o delírio das aves a cantar
as águas mansas da ternura
tudo que sonhava, que quero
Um porto seguro
e esse porto,
asseguro
é tudo que quero
Você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário