terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Tu és...


Tento traduzir emoções que nunca
senti antes,
algo realmente novo...
sincero....
verdadeiro.....
E se um dia uma brisa leve suave tocar seu rosto
não tenhas medo,
é apenas minha saudade que beija em silencio.....
Tu és poema deixado no ar...
palavra implorando para viver...
Tu és como aquela
estrela que o dia não vê....
Que espera a noite chegar para poder
brilhar no céu da minha vida...

Nenhum comentário:

Postar um comentário