domingo, 27 de janeiro de 2013

Lembranças



Lembre-se dos nossos dias cálidos,
Das nossas noites embriagantes de pura sedução.
Lembre-se das nossas tardes de amor selvagem
Quando o tesão fluía e nos envolvia,
Chama ardente que nos consumia
Nossos corpos delirantes de paixão,
Ofegantes, a ponto de uma explosão.
Entregues ao prazer desmedido
Que juntos sentimos e exploramos.
Lembre-se da minha boca,
Tocando de leve a sua pele
Explorando todo o teu ser,
Até te deixar louco pra liberar as suas fantasias
E se derramar em prazer.
E nessas loucuras sensatas e puras
Você êxtase, nesse amor imensurável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário