domingo, 27 de janeiro de 2013

Eterno



O amor que eternizei
Se as vezes dói, sempre fulgura,
Entrelaça como num verso
O que é dor e o que é amor.
Tua lembrança na minha tristeza
Caminhando entre lágrimas desaguantes.
No meu peito um coração ferido
Imerso na doçura desse amor,
Amor que não esqueço,
Que busco a todo instante,
A cada entardecer ao cair do sol
Eu sinto você tão perto
Como se você morasse no meu peito.
Eu te sinto tanto e em pensamentos te toco
Ah! meu amor se você soubesse o quanto eu te amo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por você existir !!!

Escolhi você, porque faz parte do rol de amigos que sempre que possível, se faz presente em meu espaço. Escolhi você, porque me faz senti...