domingo, 2 de dezembro de 2012

Quer saber



Hoje sou do tempo
Caminho no presente
Com passos devagar sem pressa pra chegar
Noite estrelada, eterna companhia.
Bela paisagem vai deixar saudade
Destino de um rei, nobre cavaleiro.
Em guerras passadas, a lei era a espada.
Que o destino me guie, sem rumo e sem direção.
Por que você se foi, partiu de vez meu coração.
Águas cristalinas, fontes da vida.
O brilho me fascina, por que sempre me ilumina.
a sede incomoda, muito caminhei
Procurando uma saída, nesta estrada venenosa.
Como saberia, que por trás dessa flor, o fim de uma história.
Que perfume que encanta quem inala se espanta
Esperei a paixão e fiquei na solidão
Triste sonho, tentar entender.
O melhor é fugir e de vez se esconder
Lágrimas que caem, dor no coração.
Não quero ficar mais ao lado da razão...   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por você existir !!!

Escolhi você, porque faz parte do rol de amigos que sempre que possível, se faz presente em meu espaço. Escolhi você, porque me faz senti...