Te amo



Ninguém te amou...
Como eu te amei...
Ninguém te quis...
Ninguém fez loucuras por você...
Como eu fiz e não foram poucas...
Ninguém lhe ama...
Como eu amo...
Um amor incondicional
Tudo que faço é pensando...
Pensando em você,
Pois é tudo para mim, minha vida
Se o pouco que tinha, era nada
Agora o que fazer
Se tudo acabou, acabou não sei
Algo aí,  dentro do seu peito, deve ter ficado
Um olhar, um beijo, um abraço
Algo deve mostrar, que fui puro
Puro no sentimento
Agora o que faço, jogo este amor fora?
Desde aquele beijo roubado
Até aquele "você sabe o que vou dizer"...
De alguma forma  foi-me importante
Estou só, e a solidão dói. 

Comentários

Postagens mais visitadas