sábado, 17 de novembro de 2012

Amor eterno



Andava distraída
Quando nossos caminhos se cruzaram
E no brilho de um olhar
Um sentimento único desabrochou,
Revelando uma história de amor e amizade,
Heranças de muitas vidas de companheirismo,
Mostrando que o amor ultrapassa as barreiras do tempo e da vida,
Sempre nos levando de volta àquela pessoa especial
Para que novas lembranças sejam tatuadas na alma,
Garantindo que,
Independentemente de onde estivermos,
De que forma tenhamos tomado,
Ou de quanto tempo tivermos ficado separados,
Bastará um olhar para nos reconhermos
E termos a chama do amor reacesa. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário