Teu corpo é doce



Teu corpo é doce
Como mel, ó abelha rainha
Teus lábios são quentes
Como o Sol no verão
Vossas mãos são macias
Como seda em tecido
E sua voz encantadora
Tal qual canto de rouxinol
Seu coração clama
Como bardos as vitória
Pedindo meu amor
Forte como Hércules
Suas pernas me entrelaçam
Num elo profundo como corrente
Seus abraços são cativantes
Adoráveis como se adora a fé
Vossos beijos são incríveis
Como o dia e a noite
Também inexplicáveis
Como o vento e o frio
Seu cabelo é como chuva
Caindo sobre meu corpo
Ou até raios de sol
Abençoando o novo dia
Seus pés são fortalezas
A base de sua perfeição
Como castelos e lordes
Foram o núcleo de povos
Seus gestos são intrínsecos
Lembra a águia caçando
Minimamente detalhado
Sem erros como matemática
E o que mais me surpreende
Em vossa vida
É que ela é fácil
Pra eu entender
Entrar
E viver

Comentários

Postagens mais visitadas